Seg, 29 de Junho de 2020 23:24

DE OLHO EM NÓS - Cidade terá câmeras com reconhecimento facial em pontos estratégicos

Quase 500 novas câmeras de videomonitoramento serão instaladas em pontos estratégicos da cidade até o fim do ano. São equipamentos de alta resolução full HD e que incluem câmeras com reconhecimento facial, panorâmicas, térmicas e com reconhecimento de placas de veículos, que se somam às cerca de 700 câmeras já existentes em ruas e estações-tubo.

O projeto, que marca o lançamento da Muralha Digital, é uma parceria da Prefeitura com o Instituto das Cidades Inteligentes (ICI). A programação das etapas do projeto e exemplos da utilização da câmera foram apresentados ao prefeito Rafael Greca, na tarde desta segunda-feira (29/6).

“A ideia é dar a Curitiba um instrumento de controle para a área de Defesa Social e de Segurança Pública. Serão 488 novas câmeras, somadas com as 697 câmeras que a cidade já dispõe para uso de controle de trânsito e de segurança, nos terminais, nas praças e nas ruas. A ideia é dar a Curitiba o que há de mais moderno em termos de tecnologia”, disse o prefeito.

O objetivo é que essa articulação proporcione melhorias significativas nos processos de gestão do trânsito, transporte coletivo, segurança preventiva, defesa civil e assistência social, por meio do processamento, em tempo real, de informações coletadas por dispositivos de videomonitoramento, permitindo o tratamento desses dados e sua transformação em inteligência.

De acordo com o prefeito, este é o começo de um grande programa que criará, no prédio do ICI, um novo Centro de Controle de Operações (CCO).

“Isso nos tornará a mais moderna das cidades do Brasil em inteligência de defesa social”, destacou Greca.

Mapa do crime



Twitter - Políticos

Jair Bolsonaro


Ratinho Junior


Rafael Greca


Álvaro Dias


Flavio Arns


Professor Oriovisto Guimarães

S5 Box