Qui, 18 de Junho de 2020 20:17

Petraglia apóia MP dos direitos de futebol e alfineta a Globo


Registra a coluna Painel, do jornal Folha de S.Paulo, que o presidente do Athletico Paranaense, Mario Celso Petraglia, gostou da Medida Provisória que mudou os direitos de transmissão dos jogos de futebol. Pela medida, publicada neste quinta-feira (18), os direitos podem ser negociados pelos clubes mandantes dos jogos,ao contrário do que ocorria antes, quando a emissora de televisão precisava negociar com os dois clubes se quisesse transmitir uma partida.

Para o presidente athleticano, a medida pode representar o fim do monopólio da Rede Globo de Televisão nas negociações dos jogos. “Penso que é o início de uma necessidade de união dos clubes posteriormente. A Globo comprou os direitos dos clubes maiores, nos obrigando a irmos a reboque. Não podíamos vender, já que o direito era dos dois”, disse.Para ele, a MP abre caminhos para a entrada de novos players, especialmente empresas de streaming, como a Amazon, que poderão negociar diretamente com os clubes mandantes sem a necessidade de fecharem pacotes com diversos clubes.

“É o nosso novo caminho. Não é uma crítica, mas uma constatação: estávamos em um monopólio de décadas com a Globo”, afirmou “Não diria fim do monopólio, não vou pelo negativo, mas pelo positivo de oportunizar a entrada de novos players, principalmente o streaming, que quer o conteúdo para promover suas marcas, como a Amazon”, acrescentou.

Em relação ao Athletico, Petraglia informou que os advogados do clube analisam a possibilidade de aplicar a MP em contratos vigentes. O clube paranaense vendeu seus direitos de transmissão em TV aberta para a Globo e em TV fechada para a Turner, mas não chegou a acordo com a emissora carioca em relação ao pay-per-view.Dessa forma, acredita que a MP poderá auxiliá-los na negociação da transmissão desses jogos.





Twitter - Políticos

Jair Bolsonaro


Ratinho Junior


Rafael Greca


Álvaro Dias


Flavio Arns


Professor Oriovisto Guimarães

S5 Box