quarta, 18 de setembro de 2019


Ter, 20 de Agosto de 2019 00:20

Obras devolvem ao Passeio Público os contornos originais


Aos poucos, o Passeio Público de Curitiba vai tomando formas que remetem ao projeto original. Novas frentes de obras, como a abertura de caminhos e áreas de convivência já dão a ideia do que os curitibanos e turistas poderão aproveitar em breve.

Uma delas é uma área de contemplação que está sendo preparada à beira do lago e vai poder ser vista por quem passa pela Rua Luiz Leão. O local terá piso de pedriscos, ganhará bancos de madeira e um novo paisagismo, com canteiros de flores.

“Com o pedrisco e a própria implantação de nova área, buscamos recuperar características originais do projeto e do uso do primeiro grande parque urbano de Curitiba”, ressalta o diretor de Parques e Praças da Secretaria Municipal do Meio Ambiente, Jean Brasil.

No local onde havia a construção do antigo restaurante,está sendo feita a compactação do solo para o recebimento do revestimento em pedrisco. Novos postes e paisagismo também farão parte do novo visual. Está previsto, ainda, um deque à beira do lago.

O espaço será uma área comum de convivência, que visa resgatar a identidade do logradouro. Os trabalhos do Passeio Público fazem parte do contexto do programa Rosto da Cidade, que prevê a revitalização de fachadas de prédios históricos da capital. Na semana passada, equipes da Secretaria Municipal de Obras Públicas deram início, também, à instalação da nova iluminação.

Novos ares

A servidora aposentada do Governo Federal, Miracy Messias, é vizinha do parque e faz seus exercícios diariamente no espaço. Quando pode, vai pela manhã e no início da noite também e vem se surpreendendo com o aumento na frequência após às 18h.

“Tudo está mais claro, conseguimos ter mais visibilidade melhor sensação de segurança, em especial, para as mulheres”, diz Miracy.

Ela destaca que, antes, o Passeio Público ficava mais quando começava a escurecer. Para Miracy, a mudança se deve ao manejo da arborização e à retirada da construção ociosa. Na reforma no Passeio já foram contemplados o conserto de rachaduras, impermeabilização e limpeza do fundo dos lagos, revitalização da fonte que homenageia o príncipe dos poetas, Emiliano Perneta, na Ilha das Ilusões, com a colocação de um novo piso de concreto, pedras e placas recuperadas.

Foram reformados e também ganharam pintura nova os recintos dos animais e o playground, além de outros atrativos, como a ponte pênsil. A instalação de um módulo da Guarda Municipal também faz parte do projeto de revitalização do parque.

No manejo da arborização, mais de 100 mudas de árvores nativas já foram plantadas e está previsto o reflorestamento de mais 600 mudas, conforme o andamento dos trabalhos. O paisagismo contempla, ainda, mais de 50 mil mudas de flores a serem plantadas em novos canteiros, em todo o parque.




Twitter - Políticos

Jair Bolsonaro


Ratinho Junior


Rafael Greca


Álvaro Dias


Flavio Arns


Professor Oriovisto Guimarães

S5 Box